Para que serve uma fossa séptica?

A fossa séptica é algo muito utilizado por brasileiros que não tem acesso a rede pública de esgoto. Principalmente em cidades mais afastadas dos centros urbanos, a fossa séptica, quando bem feita e quando se limpa adequadamente, é uma solução ótima. 

Hoje, vamos entender melhor o seu funcionamento, como deve ser construída e os diversos tipos de fossa séptica que existem por aí. Vem com a gente nessa?

Quais os tipos de fossa séptica?

Existe mais do que apenas um tipo de fossa séptica. Observe nossa lista abaixo para entender quais os mais comuns:

  • Fossa séptica; É a fossa mais comum e mais ambientalmente correta. Possui três tanques sépticos enterrados e feitos de alvenaria. A água vai sendo tratada por decantação. Comporta tanto dejetos sólidos quanto líquidos.
  • Fossa negra; A fossa negra é uma fossa séptica feita de forma antiga, onde os dejetos sólidos e líquidos são depositados diretamente na terra. É perigosa, já que pode intoxicar o solo ao seu redor.
  • Fossa seca; A fossa seca não trata dejetos líquidos. Consiste em um buraco cavado na terra, geralmente longe da casa principal. Ali, se instala um banheiro e os dejetos sólidos são jogados diretamente no solo.
  • Fossa absorvente; esse tipo de fossa utiliza material natural para que ele absorva e trate os dejetos sólidos e líquidos. Algumas vezes esse material natural pode ser um revestimento de pedra.

Essas são só alguns dos tipos de fossa. Existem diversos outros que se adaptam às possibilidades dos brasileiros. Nessa publicação vamos nos ater a própria fossa séptica, a primeira da nossa lista.

Como deve ser construída uma fossa séptica?

No caso de uma fossa séptica, a construção deve ser feita seguindo as normas da ABNT. Existe todo um manual explicando como é o material correto para a construção dos tanques e quais requisitos eles devem cumprir para realizar bem a função. Mas muito além disso, existem três pontos de vital importância a serem observados:

  1. Os dejetos não podem ter contato direto com o solo;
  2. A fossa precisa ser construída a uma distância segura de riachos, rios e efluentes aquáticos, para evitar contaminação;
  3. A fossa precisa ser construída a uma distância segura de seres humanos e seus locais de convivência.

Assim, os riscos de contaminação são reduzidos e a fossa séptica é segura, além de ter uma vida útil longa.

Como funciona uma fossa séptica?

Quando a fossa séptica recebe os dejetos sólidos e líquidos da casa, inicia-se um processo de tratamentos da água. Primeiramente, o que é sólido é separado do que é líquido através da decantação. Os dejetos sólidos ficam no fundo de um dos tanques, enquanto a parte líquida segue para ser tratada. 

Os dejetos sólidos que permanecem no tanque séptico são consumidos por bactérias. O que não é consumido, permanece na fossa séptica. É por isso que se torna necessário contratar um limpa fossa para retirar esses dejetos não consumidos. 

A parte líquida segue sendo tratada até poder ser liberada novamente no meio ambiente. 

Qual a periodicidade de limpeza de fossa séptica?

Um limpa fossa precisa ser acionado sempre que for necessário limpar a fossa séptica. Essa hora pode chegar semestralmente, mas vai depender exclusivamente do uso que se faz da fossa na residência. Alguns maus hábitos como jogar papel na descarga do vaso pode adiantar a hora de chamar um limpa fossa. 

O ideal é sempre ficar de olho em sinais que a fossa séptica te dá. Se a fossa séptica começar a vazar, está mais do que na hora de chamar um limpa fossa. Fique de olho semestralmente para as datas de limpeza.

Qual a importância da limpeza de fossa séptica?

Caso uma fossa séptica não receba a limpeza adequada, ela pode começar a apresentar mau funcionamento e até mesmo ficar inutilizável. É por isso que é tão importante não deixar de ficar de olho nas datas para chamar um limpa fossa. 

Caso não for limpa, a fossa pode:

  • Vazar ao redor;
  • Impedir o bom funcionamento da descarga;
  • Voltar dejetos pelo encanamento;
  • Entupir;
  • As bactérias podem não consumir corretamente os dejetos sólidos;
  • Pode causar fissuras e vazamentos de dejetos no meio ambiente.

Quem eu chamo para limpar a fossa?

O ideal é que quando você precisar limpar a fossa, você chame um profissional. Ele saberá exatamente como executar a limpeza sem danificar os tanques. Além disso, será necessário preservar as bactérias dentro da fossa, para que elas continuem consumindo os sólidos e assim, tratando a água. 

Caso a limpeza seja feita de maneira errada, o funcionamento normal da fossa será alterado, o que pode fazer com que ela encha mais facilmente. Conte com profissionais limpa fossa de qualidade e com experiência. Assim você garante qualidade e uma periodicidade mais longas de limpeza. Mais economia e um melhor funcionamento para toda a casa.