1º Limeira Zouk Fest acontece neste domingo

Com o objetivo de divulgar o estilo de dança de salão Zouk, Limeira participa neste domingo, dia 21, a partir das 13h, do “1º Limeira Zouk Fest”, um evento que visa à divulgação deste ritmo.

Com participações confirmadas dos DJs Cesar e Godox, além de aula aberta ao público interessado com Bruno Galhardo e Eglantine Oliveira. Haverá também aula baile com o melhor do Zouk e da dança de salão com vários ritmos; bolero, salsa, forró, sertanejo universitário, samba de gafieira e outros, pra que todos possam dançar e se divertir.

Na ocasião os dançarinos Bruno Galhardo e Eglantine Oliveira farão o lançamento de sua nova coreografia (segue currículo dos dois abaixo). A realização é da Prefeitura de Limeira, com apoio das produtoras de Eventos Sandra Penna e Renata Ellen, Forró Asas do Vento, Rotary Club Limeira – Morro Azul, em parceria com a Paróquia Santa Rita de Cássia.

O evento contará ainda com a participação de diversos dançarinos vindos de São Paulo, além da presença confirmada de diversas escolas e academias de dança de salão de Limeira e região.

“Limeira Zouk Fest” é aberto à população, e acontece no salão Paroquial da igreja Santa Rita de Cássia. A entrada é 1k de alimento não perecível em prol dos “Vicentinos” que atendem as famílias carentes da Paróquia.

Zouk

Zouk – significa “festa”. No Brasil, utiliza-se a música Zouk para uma espécie de dança oriunda da lambada, porém, com movimentos mais adaptados ao andamento da música. A lambada era muito rápida e frenética, impossibilitando muitos passos que existem hoje. A dança zouk brasileira possui vários estilos, mas a base para a dança nunca deixou de ser a Lambada e os giros e movimentos de braços presentes na Salsa, Soltinho, Rock and Roll, Forro, entre outros.

O zouk é um gênero musical originário das Antilhas (Guadalupe e Martinica). Está presente em vários ritmos brasileiros e sempre teve grande influência na região norte e região nordeste do Brasil, especialmente no Pará, Amapá e Bahia.

O Zouk cultiva seguidores em países distintos como Holanda, Estados Unidos, Argentina, França, Emirados Árabes, Japão, Alemanha, República Theca e Espanha e agora também, chegando com força total, em São Paulo e Campinas.

Currículos dos bailarinos:

Eglantine Oliveira

Praticante de capoeira há 10 anos, com experiência em street, dance, jazz, balé, jiu jitsu, waacking, vogue e dança do ventre. Atualmente trabalha com a Dança de salão, entre os ritmos estão: Tango, Salsa, Zouk, Rock Soltinho, Gafieira, Bolero e Forró. Realizando apresentações e workshop em congressos de dança pelo Brasil, eventos em Resorts e eventos corporativos.

Euglantine dedica-se atualmente ao público feminino, realizando um trabalho de consciência corporal, com uso de atenção às sensações promovendo a ampliação da percepção.

Bruno Galhardo

Com quase dez anos de vivência de dança e sete anos como profissional, é especializado em dança de salão como professor, dançarino e coreógrafo.

Galhardo exerce atividades na área de entretenimento, consciência corporal, desenvolvimento social no âmbito coorporativo, terapia, e animação em diversos tipos de eventos e shows.

Em 2011 impulsionou sua carreira chegando entres os três melhores dançarinos do Brasil no concurso “Se ela Dança eu Danço” da emissora SBT.

Em 2012 marcou com elogios sua carreira como coreógrafo na “Dança dos Famosos” do programa “Domingão do Faustão” da Rede Globo.

Serviço:

Dia: Domingo, dia 21

Horário: a partir das 13h.

Local: Salão Paroquial da igreja Santa Rita de Cássia, Av. Fabrício Vampré, 405 – Jd. Piratininga.

Entrada: 1kg de alimento não perecível.

Deixe uma resposta