Unidade Básica de Saúde de Martinho prado terá de ser reestruturada

Revestimento cerâmico nas paredes, que seria o adequado, não é a única coisa que falta na sala de esterilização. Faltam equipamentos também. O ambiente está vazio.

Este é um dos problemas da UBS (Unidade Básica de Saúde) José Aristodemo Pinotti, do distrito de Martinho Prado, constatados pelo prefeito Walter Caveanha na manhã desta sexta-feira.

O prefeito inspecionou as instalações da unidade acompanhado do vice-prefeito Marçal Damião, dos secretários municipais de Saúde, João de Barros Neto, de Obras e Viação, Salvador Franceli Neto, de Planejamento e Desenvolvimento Urbano, Luís Henrique Bueno Cardoso, e do administrador regional do distrito, Fernando Alessandro Lima.

Eles foram recebidos pela coordenadora Cesira Aparecida Madruga, que relatou os principais problemas da UBS. Há pelo menos outra sala ociosa porque não tem móveis. O consultório de ginecologia está instalado em espaço insuficiente e não dispõe de biombo.

Há necessidade de mais prateleiras no almoxarifado, onde são armazenados os medicamentos da farmácia. Na recepção, faltam armários, estantes e balcão. Na área de espera, mais poltronas de longarina para acomodação dos usuários.

Algumas mudanças já estão praticamente decididas, como a readequação de salas de consultório. Serão necessárias ainda pequenas reformas, inclusive para reparar trincas e dilatações em alguns pontos do prédio.

Essa situação se constata menos de um ano depois da reforma e ampliação da UBS de Martinho Prado, que foi reinaugurada em 30 de junho de 2012.

Para sanar os problemas, o prefeito determinou que seja feito levantamento completo das condições da estrutura e das necessidades de móveis e equipamentos para que a UBS funcione plenamente.

Os secretários João de Barros Neto e Luís Henrique Bueno Cardoso e a coordenadora Cesira Aparecida Madruga iniciarão desde logo um estudo do que precisa ser feito e a viabilidade econômica para compra de equipamentos.

A aquisição de um aparelho de radiografia, por exemplo, depende da disponibilidade de recursos financeiros. Uma alternativa, segundo o secretário de Saúde, seria comprar um equipamento portátil, mais barato.

O secretário de Planejamento prevê que o grupo de estudos conclua o levantamento e apresente seu relatório em 20 dias.

Deixe uma resposta